APOIO

APOIO

terça-feira, 28 de março de 2017

O servidor do Ministério Público do Rio Grande do Norte Guilherme Wanderley Lopes da Silva, responsável por atentar contra as vidas do procurador-geral de Justiça do Estado, Rinaldo Reis, do procurador-geral adjunto, Jovino Pereira, e do promotor Wendell Beetoven na última sexta-feira 24, citou o desembargador Claudio Santos, ex-presidente do Tribunal de Justiça, na carta que entregou às vítimas do atentado antes de atirar contra elas. No item 9 do documento, intitulado de “o que o povo deve fazer para saber identificar o mal político?”, Guilherme dispara contra o ex-presidente do Tribunal de Justiça do RN ao explicar as medidas que a população deveria adotar para combater as pessoas que utilizam os órgãos públicos para se satisfazer profissionalmente. “Vejam o mal que o desembargador Claudio Santos causou… assassinou a ética e, mesmo assim, foi várias vezes aplaudido. É mais uma chaga do nosso Estado. Se precisasse, ele alcançaria a mesma maldade do antigo Rei Nabucodonossor para atingir seus malditos propósitos pessoais”, escreveu o atirador. O nome do desembargador, no entanto, apareceu apenas uma única vez no ‘discurso’ de Guilherme, que tinha como principal alvo o procurador Rinaldo Reis, a quem qualificou de “homem sujo, perseguidor, egoísta, articulador, saqueador, descumpridor de leis e princípios que nos são muito valorosos.” No primeiro tópico da sua carta, Guilherme Wanderley explicou, de maneira sucinta, a motivação que teve para atentar contra as vidas dos promotores citados. “O motivo é intuitivo: legítima defesa sui generis própria e alheia. Alguém precisava fazer algo efetivo e dar uma resposta a esse genuíno crime organizado.” Já no item 3, denominado de “quem é Rinaldo Reis Lima?”, o atirador foi ainda mais incisivo contra o alvo principal do ataque, que acabou sendo o único não atingido por disparos na ação: “É a personificação do câncer. Uma chaga que precisa ser eliminada. Um lobo em pele de cordeiro. Está intimamente ligado a destruição, fazendo parte de sua essência”, seguiu. No fim da carta que tem, ao todo, 19 páginas, Guilherme denunciou a suposta existência de práticas corruptas dentro do Ministério Público do Rio Grande do Norte, finalizando ao apontar defeitos do atual PGJ e dele próprio. “A corrupção era e é gigantesca. O dinheiro comprou a lealdade da maioria dos membros. Assim, ele (Rinaldo Reis) tinha um defeito e eu tenho outro. O dele é achar que é um faraó e tudo pode, o meu é ter verdadeira ojeriza pela desonestidade e injustiça a ponto de agir dessa forma, sem piedade, mesmo sabendo que peco muito”, concluiu.

Novas partes da carta escrita por Guilherme Wanderley Lopes da Silva foram divulgadas. Agora ex-servidor do Ministério Público, Silva disparou e alvejou com uma arma de fogo o promotor Wendell Beethoven e o procurador-geral de Justiça adjunto, Jovino Pereira, além de ter atentado contra a vida de Rinaldo Reis, procurador-geral da Justiça. Nos trechos inéditos, Wanderley admite que adquiriu a arma usada no crime ilegalmente, celebrando o fato e chegando a agradecer ao “bandido” que a vendeu.
“Depois não venham dizer que o povo de bem deve ser desarmado, quanta hipocrisia! Pensei até nisso ao escolher a arma proibida. A arma tinha que ser ilegal e por ironia do destino, até agradeço ao bandido que me vendeu e confiou em mim. Pelo menos fiz bom uso do artefato e o bandido, sem saber, também fez algo bom”, afirma na carta.
Dentre outros pontos destacados no texto, Wanderley garante que ouviu diversos colegas de trabalho sobre reivindicações de melhorias, que incluem redução da jornada de trabalho para seis horas diárias corridas (30 horas semanais), direito para voto na escolha do Procurador-Geral, direito à substituição nas férias e aumento salarial. O salário também voltou à tona em trecho que o autor do atentado se queixa de passar crise financeira após ser roubado pelos gestores. “Não tinha mais como sustentar minha família sem fazer fortes, sem sair da minha casa. Cuidem bem da minha inocente família”, escreveu.

Em carta, autor de atentado contra promotores do MPRN diz que Cláudio Santos “assassinou a ética”

O servidor do Ministério Público do Rio Grande do Norte Guilherme Wanderley Lopes da Silva, responsável por atentar contra as vidas do procurador-geral de Justiça do Estado, Rinaldo Reis, do procurador-geral adjunto, Jovino Pereira, e do promotor Wendell Beetoven na última sexta-feira 24, citou o desembargador Claudio Santos, ex-presidente do Tribunal de Justiça, na carta que entregou às vítimas do atentado antes de atirar contra elas.
No item 9 do documento, intitulado de “o que o povo deve fazer para saber identificar o mal político?”, Guilherme dispara contra o ex-presidente do Tribunal de Justiça do RN ao explicar as medidas que a população deveria adotar para combater as pessoas que utilizam os órgãos públicos para se satisfazer profissionalmente.
“Vejam o mal que o desembargador Claudio Santos causou… assassinou a ética e, mesmo assim, foi várias vezes aplaudido. É mais uma chaga do nosso Estado. Se precisasse, ele alcançaria a mesma maldade do antigo Rei Nabucodonossor para atingir seus malditos propósitos pessoais”, escreveu o atirador.
O nome do desembargador, no entanto, apareceu apenas uma única vez no ‘discurso’ de Guilherme, que tinha como principal alvo o procurador Rinaldo Reis, a quem qualificou de “homem sujo, perseguidor, egoísta, articulador, saqueador, descumpridor de leis e princípios que nos são muito valorosos.”
No primeiro tópico da sua carta, Guilherme Wanderley explicou, de maneira sucinta, a motivação que teve para atentar contra as vidas dos promotores citados. “O motivo é intuitivo: legítima defesa sui generis própria e alheia. Alguém precisava fazer algo efetivo e dar uma resposta a esse genuíno crime organizado.”
Já no item 3, denominado de “quem é Rinaldo Reis Lima?”, o atirador foi ainda mais incisivo contra o alvo principal do ataque, que acabou sendo o único não atingido por disparos na ação: “É a personificação do câncer. Uma chaga que precisa ser eliminada. Um lobo em pele de cordeiro. Está intimamente ligado a destruição, fazendo parte de sua essência”, seguiu.
No fim da carta que tem, ao todo, 19 páginas, Guilherme denunciou a suposta existência de práticas corruptas dentro do Ministério Público do Rio Grande do Norte, finalizando ao apontar defeitos do atual PGJ e dele próprio. “A corrupção era e é gigantesca. O dinheiro comprou a lealdade da maioria dos membros. Assim, ele (Rinaldo Reis) tinha um defeito e eu tenho outro. O dele é achar que é um faraó e tudo pode, o meu é ter verdadeira ojeriza pela desonestidade e injustiça a ponto de agir dessa forma, sem piedade, mesmo sabendo que peco muito”, concluiu.

UTILIDADE PUBLICA: Nota de esclarecimento - ANTECEDENTES CRIMINAIS



Secretaria de Estado de Segurança Pública e da Defesa Social

Instituto Técnico-Científico de Perícia - ITEP

SUBCOORDENADORIA REGIONAL DO SERIDÓ CAICÓ/RN

UTILIDADE PÚBLICA


Prezando o melhoramento da qualidade na prestação dos serviços da Regional do ITEP Seri, informamos que as solicitações para emissão de CERTIFICADO DE ANTECEDENTES CRIMINAIS também poderão ser solicitadas, via e-mail, pelos titulares ou terceiros, apenas com a obrigatoriedade de anexar, no e-mail, a imagem da identificação civil do RN (Registro Geral) do solicitante.
O usrio deverá solicitar o CERTIFICADO DE ANTECEDENTES CRIMINAIS no prazo mínimo de três dias úteis antes da necessidade de sua utilização e a entrega do referido CERTIFICADO somente será realizada ao titular ou representante legal, de forma presencial, na sede da Regional do ITEP Seri, com apresentação do documento de identificação e terá a validade de 15 (quinze) dias após a emissão.
As solicitações presenciais continuarão a ser realizadas na sede da Regional do ITEP Seridó, durante os dias úteis, no turno matutino.



Atenciosamente,



Subcoordenadoria Regional do Seridó Caicó/RN Rua Severiano A Costa, sn, Samanaú, Caicó/RN Contato: 84 3421 6130

15ª Vaquejada de Santa Luzia acontece próximo dia 31

A tradicional Vaquejada de Santa Luzia (PB) está de volta. No próximo dia 31 tem início a 15ª edição da Vaquejada, que é uma das maiores da Paraíba. O evento acontece no Parque Raimundo Belo e segue até o domingo, dia 02 de abril com uma vasta programação e muitos prêmios.

O evento contará com a participação de vaqueiros amadores e profissionais de todo o Nordeste, com a distribuição de R$19.000,00 em prêmios e uma moto extra.

A programação musical será aberta no sábado, 01, com duas atrações: a banda Arreio de Ouro e Saulo Farra, a partir das 23h. Já no domingo a diversão acontece mais cedo. A partir das 17h se apresentam o cantor Pedrinho Pegação, a banda Forró Aryaxe e Geová do Acordeon.

O município de Santa Luzia é integrante da Região Metropolitana de Patos e fica distante 260km de João Pessoa.

Serviço:

15ª Vaquejada de Santa Luzia/PB
Atrações: Dia 01 (sábado) – Arreio de Ouro e Saulo Farra, 23h
Dia 02 (domingo) – Pedrinho Pegação, Forró Aryaze e Geová do Acordeon, 17h
Local: Parque Raimundo Belo – Santa Luzia/PB

segunda-feira, 27 de março de 2017

CRIANÇA DE 05 ANOS FICOU GRAVEMENTE FERIDA APÓS FAMÍLIA SOFRER ACIDENTE NA RN-041, PRÓXIMO AO LIXÃO EM CURRAIS NOVOS

Repórter Seridó - Um capotamento por volta do meio dia deste domingo, (26) deixou gravemente ferida uma menina de cinco anos de idade que estava no banco traseiro do veículo e teve afundamento no crânio. A criança não estava na cadeira obrigatória para criança, os pais da menina saíram ilesos do acidente. Waldeilson Edson, pai da garota e condutor do Fiesta, disse a polícia que perdeu o controle do veículo logo após o lixão em uma reta.
A criança foi socorrida por populares para emergência do hospital regional Mariano Coelho, que estava sem médico, o plantonista da UTI atendeu a vítima e dada a gravidade dos ferimentos foi acionado o Helicóptero do estado para fazer a remoção da criança.
No final da tarde  a garotinha Yasmim foi transferida no helicóptero da secretaria de segurança pública do RN para o Hospital Walfredo Gurgel em Natal, ela teve afundamento de crânio e o estado de saúde é considerado grave.  
A família reside em Lagoa Nova.
 
Fica o alerta para importância de se usar a cadeirinha de crianças de forma garantir a segurança.
 
Atualizando informações sobre o estado de saúde da pequena Yasmim e de que ela já conseguiu hoje movimentar um braço e uma perna, ela continua na UTI pediátrica do HWG.
 
 
 
 
 
 

Polícia Militar de Florânia prende homem apontado pela Justiça como autor de um homicídio em Currais Novos

PM Jucurutu – A Polícia Militar da Cidade de Florânia prendeu, no início da tarde deste domingo, 26, a pessoa identificada por Hemerson Robson Lima de Medeiros, natural de Currais Novos. Contra ele existe um Mandado de Prisão expedido por aquela Comarca.
De acordo informações da Policia, Hemerson é apontado como autor de um homicídio ocorrido em Currais Novos, o que teria motivado a expedição do Mandado de Prisão, por parte da Justiça. Nosso Blog não teve informações de detalhes do crime praticado pelo suspeito.
Hemerson Robson foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Caicó, onde foi entregue à autoridade competente, a qual providenciará o devido procedimento, para posterior condução do preso a um estabelecimento prisional do RN.

Benes Leocádio recebe convite de Ezequiel para se filiar ao PSDB; decisão será em maio

O ex-prefeito de Lajes e presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN), Benes Leocádio, recebeu o convite do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PSDB), para se filiar ao PSDB. O deputado tomará posse como presidente da sigla no mês de maio.
O encontro dos dois aconteceu no sábado 25, no evento “A favor das mudanças que o Brasil precisa”, organizado pelos tucanos em Natal com a presença do governador de São Paulo e pré-candidato a presidente Geraldo Alckmin.
Em contato com a reportagem do Agora RN, Benes afirmou que a decisão será tomada com o seu grupo político em Lajes. “Recebemos o convite do deputado Ezequiel e, quando ele assumir, estaremos discutindo essa possibilidade”, afirmou Benes.
Filiado ao PMDB e atual presidente da FEMURN, Benes Leocádio já teve o nome cotado por diversas vezes para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa.
A escassez de água, em decorrência da seca que já dura cinco anos no Nordeste, despertou o interesse de empresas e governos para soluções de tecnologia que promovam a dessalinização da água do mar.
No último dia 13, o governo do Ceará lançou edital para contratar empresa responsável pela elaboração de uma planta de dessalinização na região metropolitana de Fortaleza, com capacidade para gerar 1 metro cúbico por segundo (m³/s) de água potável para a rede de abastecimento. Esse volume equivale a cerca de 15% do consumo de Fortaleza.
Desde 2016, os 17 municípios da região, nos quais moram quase metade da população cearense, são submetidos a uma tarifa de contingência para economizar água.
De acordo com o diretor da Região Nordeste, da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), Francisco Vieira Paiva, “a dessalinização faz parte de um contexto mundial. A indústria usa a dessalinização para processos industriais. Com relação ao consumo humano, países semelhantes ao Brasil, com regiões [climáticas parecidas com as do] Nordeste, têm experimentado essa tecnologia, porque é uma forma de minimizar o impacto às populações. No Ceará, isso salvaguardaria nossos açudes”, explicou.
O assunto foi tema de simpósio da Abes, na última semana, em Fortaleza. Oportunidade em que alguns especialistas nacionais falaram sobre os impactos das tecnologias de dessalinização na matriz hídrica do país e também sobre reúso das águas.
Embora seja uma realidade em outros países, como Israel e Arábia Saudita, a dessalinização ainda está em seus primeiros passos no Brasil. Fernando de Noronha (PE) é o exemplo pioneiro de alcance público: possui uma usina de dessalinização para consumo humano que apoia o sistema de abastecimento da ilha, especialmente nos períodos de estiagem. O distrito estadual possui apenas um açude, o Xaréu, além de poços.
Outras experiências são de iniciativa privada, especialmente industrial. Sérgio Hilsdorf, gerente de aplicações e processos da empresa Veolia, dá o exemplo de uma usina termelétrica que será implantada em Sergipe, que vai utilizar água dessalinizada em seus processos. Ele considera prioritário o uso das tecnologias de dessalinização para atender o consumo humano.
Ele afirmou que “a água dessalinizada pode ser utilizada na indústria, mas grandes plantas foram construídas com o objetivo de fornecer água potável para a população das cidades litorâneas com problemas crônicos de falta de chuva. Considero que lançar mão de uma técnica que não é barata, deveria ser para uso nobre, que é o uso potável”.
Segundo o diretor da Abes no Nordeste, o uso de água dessalinizada para abastecimento de cidades já era debatido no Ceará 15 anos atrás. Mas, à época, não havia políticas públicas para abranger a inovação. Apesar de a ideia apenas agora começar a tomar contornos reais, Paiva considera que o momento é ideal.
“Acredita-se, sempre, que até dia 19 de março [dia de São José, padroeiro do Ceará] vai chover, mas vemos que a realidade não é mais essa. A população, as indústrias e o consumo aumentam. De alguma forma, à adesão a esta nova tendência está atrasada, mas sempre é o momento para começar”, lembrou ele.

Fios de cobre furtados da CAERN de São Rafael foram apreendidos em Jucurutu. Dois homens foram presos

Blog PM Jucurutu – Policiais Militares da Cidade de Jucurutu prenderam, na manhã deste domingo, 26, dois homens de posse de fios de cobre e aço, que teriam sido furtados da bomba de energia de abastecimento d’água da CAERN, da Cidade de São Rafael.
Foram presos, Francisco De Assis Damião Silva, 28 anos, natural de Jucurutu e Franklin Gomes de Moura, vulgo “Branquinho”, 18 anos, residente em São Rafael. Este último assumiu que foi ele, sozinho, quem furtou os fios. Ele informou à Polícia que presta serviços a pecuaristas da região, cortando capim para alimentar animais, e, ao passar pela bomba da CAERN, às margens da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, percebeu que ela estava desligada e decidiu cortar e furtar os fios.
Quanto a Francisco Damião – que informa ser residente em Jucurutu, mas estava em São Rafael trabalhando na construção de um muro – sua participação foi apenas no transporte, em sua moto, do material para ser vendido em Jucurutu.
A dupla foi encaminhada para São Rafael e, de lá, para Assu, onde todos os procedimentos legais foram adotados pela Polícia Civil.

sábado, 25 de março de 2017

CNBB EMITE NOTA OFICIAL SOBRE A PEC 287/16 – “REFORMA DA PREVIDÊNCIA”

Ai dos que fazem do direito uma amargura e a justiça jogam no chão” (Amós 5,7)
 
O Conselho Permanente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil-CNBB, reunido em Brasília-DF, dos dias 21 a 23 de março de 2017, em comunhão e solidariedade pastoral com o povo brasileiro, manifesta apreensão com relação à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016, de iniciativa do Poder Executivo, que tramita no Congresso Nacional.
O Art. 6º. da Constituição Federal de 1988 estabeleceu que a Previdência seja um Direito Social dos brasileiros e brasileiras. Não é uma concessão governamental ou um privilégio. Os Direitos Sociais no Brasil foram conquistados com intensa participação democrática; qualquer ameaça a eles merece imediato repúdio.
Abrangendo atualmente mais de 2/3 da população economicamente ativa, diante de um aumento da sua faixa etária e da diminuição do ingresso no mercado de trabalho, pode-se dizer que o sistema da Previdência precisa ser avaliado e, se necessário, posteriormente adequado à Seguridade Social.
Os números do Governo Federal que apresentam um déficit previdenciário são diversos dos números apresentados por outras instituições, inclusive ligadas ao próprio governo. Não é possível encaminhar solução de assunto tão complexo com informações inseguras, desencontradas e contraditórias. É preciso conhecer a real situação da Previdência Social no Brasil. Iniciativas que visem ao conhecimento dessa realidade devem ser valorizadas e adotadas, particularmente pelo Congresso Nacional, com o total envolvimento da sociedade.
O sistema da Previdência Social possui uma intrínseca matriz ética. Ele é criado para a proteção social de pessoas que, por vários motivos, ficam expostas à vulnerabilidade social (idade, enfermidades, acidentes, maternidade…), particularmente as mais pobres. Nenhuma solução para equilibrar um possível déficit pode prescindir de valores éticos-sociais e solidários. Na justificativa da PEC 287/2016 não existe nenhuma referência a esses valores, reduzindo a Previdência a uma questão econômica.
Buscando diminuir gastos previdenciários, a PEC 287/2016 “soluciona o problema”, excluindo da proteção social os que têm direito a benefícios. Ao propor uma idade única de 65 anos para homens e mulheres, do campo ou da cidade; ao acabar com a aposentadoria especial para trabalhadores rurais; ao comprometer a assistência aos segurados especiais (indígenas, quilombolas, pescadores…); ao reduzir o valor da pensão para viúvas ou viúvos; ao desvincular o salário mínimo como referência para o pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), a PEC 287/2016 escolhe o caminho da exclusão social.
A opção inclusiva que preserva direitos não é considerada na PEC. Faz-se necessário auditar a dívida pública, taxar rendimentos das instituições financeiras, rever a desoneração de exportação de commodities, identificar e cobrar os devedores da Previdência. Essas opções ajudariam a tornar realidade o Fundo de Reserva do Regime da Previdência Social – Emenda Constitucional 20/1998, que poderia provisionar recursos exclusivos para a Previdência.
O debate sobre a Previdência não pode ficar restrito a uma disputa ideológico-partidária, sujeito a influências de grupos dos mais diversos interesses. Quando isso acontece, quem perde sempre é a verdade. O diálogo sincero e fundamentado entre governo e sociedade deve ser buscado até à exaustão.
Às senhoras e aos senhores parlamentares, fazemos nossas as palavras do Papa Francisco: “A vossa difícil tarefa é contribuir a fim de que não faltem as subvenções indispensáveis para a subsistência dos trabalhadores desempregados e das suas famílias. Não falte entre as vossas prioridades uma atenção privilegiada para com o trabalho feminino, assim como a assistência à maternidade que sempre deve tutelar a vida que nasce e quem a serve quotidianamente. Tutelai as mulheres, o trabalho das mulheres! Nunca falte a garantia para a velhice, a enfermidade, os acidentes relacionados com o trabalho. Não falte o direito à aposentadoria, e sublinho: o direito — a aposentadoria é um direito! — porque disto é que se trata.” 
Convocamos os cristãos e pessoas de boa vontade, particularmente nossas comunidades, a se mobilizarem ao redor da atual Reforma da Previdência, a fim de buscar o melhor para o nosso povo, principalmente os mais fragilizados.
Na celebração do Ano Mariano Nacional, confiamos o povo brasileiro à intercessão de Nossa Senhora Aparecida. Deus nos abençoe!

Brasília, 23 de março de 2017.

Cardeal Sergio da Rocha Arcebispo de Brasília Presidente da CNBB

Dom Murilo S. R. Krieger, SCJ Arcebispo de São Salvador da Bahia Vice-Presidente da CNBB

Dom Leonardo Ulrich Steiner, OFM Bispo Auxiliar de Brasília Secretário-Geral da CNBB

Complexo Eólico Santo Agostinho vai gerar mais de mil empregos na Região Central do RN

O Complexo Eólico Santo Agostinho será implantado nos municípios de Pedro Avelino e Lajes, gerando empregos e renda no Rio Grande do Norte, além de ampliar a disponibilidade de energia elétrica do Brasil, com a inclusão de 720 MW de capacidade instalada. O Complexo Eólico Santo
Agostinho é composto de 24 centrais eólicas, com 360 aerogeradores. Na região do Mato Grande, a chamada “energia dos ventos” já uma realidade, enquanto na região Central do RN o processo para o começo dos trabalhos caminha em ritmo acelerado.
De acordo com o Relatório de Impacto Ambiental produzido pela Empresa, o Atlas do Potencial Eólico Brasileiro indica a alta capacidade da região Nordeste brasileira, figurando o Estado como uma das regiões com melhores condições para a geração de energia eólica, já que suas características geográficas, como rugosidade, uso do solo, vegetação e, principalmente, regime do vento, são favoráveis.
O consumo anual de energia por habitante é um dos indicadores do desenvolvimento econômico e do nível de qualidade de vida de qualquer sociedade, refletindo na capacidade de adquirir bens e serviços.
O Balanço Energético Nacional de 2015 revelou que o consumo de eletricidade no Brasil teve um crescimento de 94,75% entre 1995 e 2014, o que corresponde a uma taxa média anual de 3,8%.
A energia atualmente gerada no País deriva de diferentes fontes, predominantemente hidráulica, além da eólica, gás natural, carvão, biomassa e derivados de petróleo.

Agentes penitenciários federais ficarão mais 30 dias no RN, diz ministério

O Ministério da Justiça e Segurança Pública prorrogou nesta sexta-feira (24), por meio de decreto publicado no Diário Oficial da União (veja AQUI), a presença de agentes penitenciários federais no Rio Grande do Norte por mais 30 dias.
Atualmente, 112 homens compões a Força Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) – ação que vem sendo realizada no presídio de Alcaçuz desde o fim das rebeliões de janeiro. Na ocasião, pelo menos 26 presos foram mortos. O episódio ficou conhecido como ‘Massacre de Alcaçuz’ – o mais violento da história do sistema carcerário potiguar.
A publicação autoriza os agentes a exercerem atividades e serviços de guarda, vigilância e custódia de presos, especificamente na Penitenciária Estadual de Alcaçuz. O presídio, o maior do Rio Grande do Norte, fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal.
Ainda de acordo com o decreto, o número de profissionais disponibilizado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública obedece ao planejamento definido pelos entes envolvidos na operação.
*G1RN

Jucurutu: Polícia Militar entra em confronto com bandidos, na madrugada desta sexta-feira

Fonte: Blog PM Jucurutu – Na madrugada desta sexta-feira, 24, por volta de 01h00 min., Policiais Militares da Cidade de Jucurutu, durante ronda realizada na BR 226, em direção à Cidade de Florãnia, tentaram abordar dois veículos, que andavam em comboio, mas não foram obedecidos, tendo os dois carros “furado” a barreira e os ocupantes atirado contra os PMs, que revidaram à ação criminosa, também atirando contra o grupo. Na passagem, os Policiais perceberam que se tratavam de duas Hilux, de cores branca e prata.
Essas rondas têm sido intensificadas em Jucurutu e outros municípios que pertencem à 3ª CPM/6º BPM, justamente para tentar inibir ações criminosas contra agências e correspondentes bancários. A Polícia acredita que conseguiu impedir o que poderia ser mais uma ação de grupos criminosos, especialistas em explosões de caixas eletrônicos e cofres das agências.
Após o rápido confronto, os Policiais iniciaram uma perseguição, que perdurou até o Oeste do Estado, perdendo de vez o contato com os veículos, próximo à Cidade de Patu.
Felizmente, nenhum policial ficou ferido. Também, não houve notícias de pessoas feridas terem dado entrada em hospitais do estado, que pudesse ligar a essa ocorrência.